Make your own free website on Tripod.com
XV Copa do Mundo da FIFA - 1994
Marco Etcheverry
Home

22298.jpg

 
Marco Antonio Etcheverry Vargas (Santa Cruz de la Sierra, 26 de setembro de 1970) é um ex-futebolista boliviano e atualmente é treinador de futebol. É considerado um dos maiores jogadores bolivianos de todos os tempos.
 

Conhecido como El Diablo, ("O Diabo" em espanhol), alcunha que ganhou durante os jogos eliminatórios para a Copa do Mundo de 1994 contra a seleção de futebol do Brasil. Nessa partida contra a seleção da Bolívia em La Paz, a "seleção canarinho" sofreu sua primeira derrota em jogos eliminatórios para a Copa do Mundo. Se Etcheverry foi o herói das eliminatórias, tornou-se o vilão da Copa do Mundo de 1994, disputada nos Estados Unidos: nesse torneio jogou apenas alguns minutos contra a equipe da Alemanha, pois foi logo expulso após uma jogada violenta.

Jogou em vários clubes da América do Sul (entre estes o Bolívar, de sua terra natal; o Colo-Colo, do Chile; o América de Cali, da Colômbia e o Barcelona Sporting Club, do Equador) e no Albacete da Espanha, mas foi na equipe americana do DC United que obteve a consagração. Nessa equipe jogou durante oito anos em, obteve três títulos e ainda foi eleito o melhor jogador do campeonato em 1998. Jogou nesse clube até 2003. Encerrou definitivamente sua carreira em 30 de março de 2006, aos 36 anos. Em 2008, faz sua estréia como técnico na equipe boliviana Oriente Petrolero.

volta à página inicial