Make your own free website on Tripod.com
XV Copa do Mundo da FIFA - 1994
Rigobert Song
Home

toporigo.jpg

 
Rigobert Sodding Song Bahanag, nascido em Yaoundé no dia 1º de Julho de 1976 é um zagueiro central camaronês.
Antes de assinar com os turcos do Trabzonspor, jogou por clubes como Metz e Lens da França, Salernitana da Itália, Liverpool e West Ham United da Inglaterra, 1.F.C. Köln da Alemanha e pelo também turco Galatasaray.
Durante a temporada de 2006/2007 teve uma discussão com o técnico do Galatasaray Eric Gerets e ficou no banco de reservas. Mesmo depois da chegada do novo técnico Karl-Heinz Feldkamp, e voltando a ser parte vital na defesa da equipe turca, perdeu o gosto de jogar lá e se transferiu para o Trabzonspor por uma boa quantia, e em 2008/2009 já caía nas graças da torcida e logo recebeu o apelido de "Big Chief" ou Grande Chefe e se tornando capitão com a chega do ex-técnico da seleção turca na Copa do Mundo de 2002, Şenol Güneş.
 
Na seleção nacional camaronesa era o capitão também, perdendo o posto apenas em 2009, quando Paul Le Guen substituiu Otto Pfister como técnico e deu a braçadeira à Samuel Eto'o. Jogou as Copas de 1994, 1998 e 2002.
Na Copa Africana de Nações em 2006 ele conseguiu dois recordes: é o jogador que mais vestiu a camisa da seleção e o jogador que mais partidas disputou naquele torneio.
Outro recorde que detém, porém negativo, divide com Zinedine Zidane: eles são os únicos jogadores a serem expulsos em duas Copas diferentes. Song foi expulso contra o Brasil em 1994 e contra o Chile em 1998.
Seu sobrinho, Alexandre Song, joga pelo Arsenal da Inglaterra.

volta à página inicial